Agiota é preso com 65 cartões de banco e do Bolsa Família retidos de vítimas no norte da Bahia

vemvercidade 04 Jan, 2018 16:42 - Atualizado em 04 Jan, 2018 16:46 Com informações do G1
Homem foi preso com 65 cartões de vítimas de agiotagem
Divulgação Homem foi preso com 65 cartões de vítimas de agiotagem

Um homem identificado como Luciano Medrado Santos, 45 anos, foi preso com 65 cartões bancários e também do Bolsa Família, que foram retidos de pessoas vítimas de agiotagem no norte da Bahia.

De acordo com a polícia, o suspeito foi encontrado no município de Glória. A prisão ocorreu no povoado de Queimadas, na final da noite de quarta-feira (3), após uma denúncia anônima.

As buscas pelo suspeito começaram na terça-feira (2), quando foram encontrados na casa dele, no município de Paulo Afonso, que fica a 12 quilômetros de Glória, um revólver calibre 38 e cartões que utilizava na prática de agiotagem.

Além dos 65 cartões bancários e também do Bolsa Família, que foram localizados com suspeito durante a prisão, também foram encontrados com o suspeito senhas de contas correntes, R$ 3,5 mil em cheque, R$ 330 em espécie e um caderno com a contabilidade da agiotagem.

Luciano está preso na delegacia de Glória e irá responder por agiotagem e retenção de documentos de terceiros.




Noticias relacionadas