PF faz operação contra violação de voto e incitação ao homicídio

vemvercidade 24 Out, 2018 09:22 - Atualizado em 24 Out, 2018 09:29 Com informações da Folhapress
A operação é resultado das atividades do Centro Integrado de Comando e Controle Eleitoral, da PF, com o objetivo de acompanhar as redes sociais
Foto: Reuters A operação é resultado das atividades do Centro Integrado de Comando e Controle Eleitoral, da PF, com o objetivo de acompanhar as redes sociais

A polícia Federal deflagrou nesta quarta-feira (24) nove ações simultâneas para coibir crimes de violação de sigilo do voto e incitação ao homicídio praticados nas redes sociais, relativos às eleições de 2018.

Estão sendo cumpridos quatro mandados de busca e apreensão em São Paulo, Sorocaba, Uberlândia e Caxias do Sul. Investigados estão sendo intimados a depor em Juiz de Fora, Varginha, Recife e Caxias do Sul. 

A operação, batizada de Olhos de Lince, é resultado das atividades do Centro Integrado de Comando e Controle Eleitoral, da PF, com o objetivo de acompanhar as redes sociais para identificar e evitar possíveis crimes eleitorais e ameaças aos candidatos.

Para a identificação dos investigados, segundo a PF, foram usadas técnicas de reconhecimento facial que, "por meio de critérios científicos, permitem a realização de análises e comparações das características faciais, tais como como cicatrizes, manchas e proporções, possibilitando a identificação de forma técnica e precisa dos suspeitos".